Galpão Gaúcho

FÓRUM GALPÃO GAÚCHO
 
InícioCalendárioFAQBuscarMembrosGruposRegistrar-seLogin

Compartilhe | 
 

 Resultado Final Enart 2011 Danças Tradicionais e Coreografias

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4
AutorMensagem
DO SUL



Mensagens : 18
Data de inscrição : 23/05/2011
Idade : 19

MensagemAssunto: Resultado final enart 2011... coreografias...   Sab Nov 26, 2011 10:32 am

RETIRADO DO SITE DA 13ª RT.. resultado geral das coreografias de: ENTRADA

1º CTG GUAPOS DO ITAPUI - 9,214
2º CTG OS FARRAPOS - 9,202
3º UNIÃO GAUCHA JSLN - 9,202
4° CTG TIARAYÚ PORTO ALEGRE 9,071
5° GAN IVI MARAÊ SÃO LEOPOLDO 9,024
6° CTG ALDEIA DOS ANJOS 9,012
7° CTG RANCHO DA SAUDADE 8,9+6-
8° GTCN VELHA CARRETA 8,845
9° CTG GILDO DE FREITAS 8,798
10° CTG CAMPO DOS BUGRES 8,786
11° CTG HERDEIROS DA TRADiÇÃO 8,714
12° CTG M'BORORÊ 8,691
13° DTG CLUBE JUVENTUDE 8,655
14º GRUPO TEBANOS DO IGAI 8,595
15° CTG R!NCÃO DA ALEGRIA 8,583
16° CTG RANCHO DE GAUDERIOS 8,548
11° CTG HERÓiS FARROUPILHAS 8,524
18° CTG ESTANCIA DA SERRA 8,452
19° CTG CARRETEIROS DO SUL 8,393
20° DT QUERtNCIA DAS DORES 8,214
21° CPF PIÀ DO SUL 8,155
22° CTG LALAU MIRANDA 8,131
23° CTG EST ÂNCIA GAÚCHA 8,083
24° CTG CLUBE FARROUPILHA 8,048
25° CTG RONDA CHARRUA 7,952
26° CTG SENTINELA DA QUERtNCIA 7,893
27° CTG POTREIRO GRANDE 7,893
28° CTG OS TEATINOS 7,881
29° CTG LANCEIROS DE SANTA CRUZ 7,881
30° DTG LENÇO COLORADO 7,821
31° CTG TRiPLlCE ALIANÇA 7,798
32° CTG SENTINELA DA QUERÊNCIA 7,774
33° CTG FARROUPILHAS 7,726
34° GTF CEL. APARICIO BORGES 7,726
35° CTG CAMINHOS DO PAMPA 7,726
36° DTG GENERAL CANABARRO 7,643
37° DT CONTINENTE DE SÂO PEDRO 7,572
38° DTG CANDEEIRO CRIOULO 7,476
39° CTG CEL. THOMAZ LUIZ OSÓRIO 7,452
40° CTG RODEIO DA QUERÊNCIA 7,441
41° LUGAR CTG TROPllHA CRIOULA 7,393
******************************************************************************************************************************
RETIRADO DO SITE DA 13ª RT.. resultado geral das coreografias de: SAIDA
1° LUGAR CTG ALDEIA DOS ANJO 9,417
2° LUGAR CTG GUAPOS DO ITAPuí 9.238
3° LUGAR CTG RANCHO DA SAUDADE 9.083
4° LUGAR GAN IVI MARAÉ 9.036
5° LUGAR CTG RONDA CHARRUA 8,964
6° LUGAR CTG TIARAYU 8,952
7° LUGAR CTG POTREIRO GRANDE 8,905
~ LUGAR CTG ESTÃNclAGAUCHA 8,798
9° LUGAR CTG LANCEIROS DE SANTA CRUZ 8,798
10° LUGAR CTG HERDEIROS DA TRADIÇAO 8,762
11° LUGAR CTG CAMPO DOS BUGRES 8,738
12° LUGAR UNIAO GAUCHA J.S. LOPES NETO . 8,726
13º LUGAR CTG ESTANCIA DA SERRA 8,726
14° LUGAR CTG M'BORORE C8.679
15° LUGAR DT QUERéNCIA DAS DORES 8,667
16° LUGAR GTCN VELHA CARRETA 8,655
17° LUGAR CTG HERÓiS FARROUPILHAS8,476
18° LUGAR CTG RINCÃO DA ALEGRIA 8,429
19° LUGAR DTG CLUBE JUVENTUDE 8.381
20° LUGAR CTG RANCHO DE GAUDERIOS 8.250
21° LUGAR CTG GILDO DE FREITAS 8.155
22° LUGAR CTG CLUBE FARROUPILHA 8,131
23° LUGAR CTG LALAU MIRANDA 8.107
24° LUGAR CPF PIA DO SUL 8,048
25° LUGAR CTG CARRETEIROS DO SUL 8,048
26° LUGAR CTG OS FARRAPOS 8,000
27° LUGAR CTG TROPILHA CRIOULA 7,893
28° LUGAR CTG CAMINHOS DO PAMPA 7.857
29° LUGAR DTG LENÇO COLORADO 7,809
30° LUGAR DTG GENERAL CANABARRO 7,774
31° LUGAR CTG TRlpLlCE ALIANÇA 7,738
32° LUGAR CTG SENTINELA DA QUERENCIA 7,714
33° LUGAR CTG OS TEATINOS 7,702
34° LUGAR CTG SENTINELA DA QUERENCIA 7,643
35° LUGAR GRUPO TEBANOS DO IGAI 7,559
36° LUGAR CTG RODEIO DA QUERÊNCIA 7,548
37° LUGAR DT CONTINENTE DE SÃO PEDRO 7,417
38° LUGAR DTG CANDEEIRO CRIOULO 7,405
39° LUGAR CTG FARROUPILHAS 7,405
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
oartista



Mensagens : 2
Data de inscrição : 21/11/2011

MensagemAssunto: Re: Resultado Final Enart 2011 Danças Tradicionais e Coreografias    Dom Nov 27, 2011 9:50 pm

Tainha escreveu:
Bom dia a todos admiradores da dança gaúcha!

Inicialmente, gostaria de informar que não me identificarei no comentário, porque este espaço normalmente é utilizado para denegrir a imagem de grupos e pessoas ou promover interesses pessoais, ao passo que o meu objetivo é simplesmente estabelecer um debate democrático sobre os temas discutidos.
Em razão disso, fica aberto o e-mail por mim utilizado para cadastro no fórum para que pessoas, com interesse em expor ideias, entrem em contato, oportunidade em que não terei problemas em me identificar e ouvir a opinião contrária.

Ainda, esclareço que participo, hoje apenas como torcedor, de um grupo finalista do ENART 2011, e nunca tive simpatia demasiada pelo CTG Rancho da Saudade (objeto do meu comentário), o que não retira a imparcialidade da minha visão em relação a dança como um todo.

Também, digo que no ano de 2012 tentarei apresentar o embasamento teórico de minhas idéias relativas à parte técnica da dança para a comissão avaliadora, o que demandará um trabalho mais aprofundado, razão pela qual o comentário, por ora, vai sem referências bibliográficas.

Feitos os esclarecimentos que acredito necessários para o bom andamento do debate, coloco a minha opinião sobre a proposta temática e técnica do CTG Rancho da Saudade.

Inicialmente, destaco que no meu entender o grupo de danças do CTG Rancho da Saudade sequer deveria ter dançado a final do ENART 2011.

Sei o trabalho que os integrantes dessa entidade tiveram para elaborar o tema por eles escolhidos, correndo atrás de figuras importantes dentro do tradicionalismo gaúcho e até de historiadores renomados. Ocorre que, ao meu ver, falharam em um aspecto: não buscaram a veracidade dessas informações junto ao acervo bibliográfico existente no Estado do Rio Grande do Sul, bem como a uma pesquisa in loco nas charqueadas existentes, principalmente, no sul do Estado.
Imperioso esclarecer que, nesse caso, não me cabe provar o equívoco da proposta do CTG Rancho da Saudade, mas apenas demonstrar os pontos em que há contradições.

Como se sabe, o ônus da prova é o momento subsequente ao ônus de alegação. Em linha de princípio, o fato alegado pelo CTG Rancho da Saudade (Charqueadores e Tropeiros em um mesmo baile) deve ser comprovado por ele, sob pena de ser dado como errado e irrelevante para a história.

Dito isto, passo a discorrer sobre as controvérsias existentes no tema do CTG Rancho da Saudade.

A co-existência entre Charqueadores e Tropeiros no mesmo período histórico é patente (como referem os depoimentos do vídeo postado pelo referido CTG), mas a convivência em um baile se torna um tanto duvidosa frente aos relatos ouvidos e lidos por mim em grandes museus de história gaúcha.

Em visita à Charqueada São João, localizada na cidade de Pelotas, e construída entre os anos de 1807 e 1810, descobri que a guia turística foi cozinheira de sua última moradora por mais de 30 anos. Esta última moradora, ao que me recordo, faleceu no ano de 2005, com mais de 100 anos de idade. Seguindo, nessa visita me deparei com inúmeras curiosidades, como por exemplo, a residência possuía jardim interno para que os moradores não tivessem contato com os trabalhadores externos, bem como esconderijo, caso houvesse uma rebelião dos escravos.

Me foi contado que a residência, à época do charque, não era utilizada pelos proprietários durante o ano, mas sim para veraneio, não tendo, inclusive, salão para a realização de baile ou sarau. A casa, como dito acima, possui somente um jardim interno, isso para que os proprietários tivessem o menor contato possível com os escravos e trabalhadores que circundavam a residência durante o dia inteiro.

Outro ponto controvertido é que, em minha pesquisa, só encontrei a informação de que tropeiros e escravos eram tidos como pessoas marginalizadas e, por isso, não tinham muito contato com as pessoas da cidade e, sequer, com os homens mais poderosos. De fato, o Charqueador tinha uma relação muito próxima com um agenciador de tropeiros, mas este, normalmente, homem de posses e com grande influência na localidade.

Mas o que mais chama atenção nesse caso, é que os tropeiros que chegavam na Charqueada para entregar ou buscar gado, ao fazerem suas refeições, eram colocados em um refeitório por onde a comida lhes era repassada por uma janela minúscula, com o objetivo de que não tivessem contato com os escravos que trabalhavam no interior da residência. Então, imagina se teriam contato com os proprietários e até mesmo com a filha do Charqueador.

Em outra visita, nesta mesma cidade, tive o prazer de conhecer o museu da Baronesa, cuja propriedade era de um homem conhecido como O Barão dos Três Cerros. Essa residência, à época de sua construção, foi bastante criticada, porque fora construída pelo Barão entre o centro da cidade, onde ficavam localizadas as casas de moradia dos Charqueadores, e as Charqueadas, à beira de um arroio da cidade.

Ao ler as cartas do museu e ouvir os relatos dos guias se percebe o motivo daquela construção.

Em verdade, ela foi construída neste local porque por um solar localizado na parte superior da residência o Barão conseguia avistar o corredor das tropas e a sua charqueada, sendo que dali ele observava toda a movimentação dos escravos, tropeiros e demais serviçais, sem, contudo, manter um relacionamento muito próximo.

Nesse toar, visitei, ainda, outro museu na zona sul do Estado. O Museu Carlos Barbosa, na cidade de Jaguarão, sendo que ele não era Charqueador e viveu quase na decadência do charque. Porém, ao entrar no museu encontra-se uma residência demasiadamente moderna para a época. Toda essa modernidade, dizem os guias, se dava porque Carlos Barbosa era tido como um homem avançado ao seu tempo e gostava de dar conforto para sua esposa e filhas, das quais uma faleceu nos anos 70.

Então, percebe-se que Carlos Barbosa não era um homem antiquado e retrógrado, mas sim um admirador da civilização européia. Todavia, sua residência tinha jardim interno totalmente protegido aos olhos dos transeuntes. Dizem os guias que era para proteger suas filhas do assédio das pessoas de classes menos favorecidas que transitavam ao redor da casa.

Estabeleço esses contrapontos, para que pensemos se a pesquisa do CTG Rancho da Saudade é séria e coerente ou surgiu de suposições.

Para mim, fato posto e não comprovado deve ser tido como inverídico e, nesse sentido, o CTG Rancho da Saudade deveria ter sido desclassificado no sábado ou sua classificação ficado condicionada à comprovação da proposta por meio de pesquisa bibliográfica e não vídeo.

Por fim, passo a expor a minha idéia quanto a harmonia do grupo de danças acima referido.

Inicio dizendo que o CTG Rancho da Saudade foi um grupo harmônico, e digo mais, em sua perfeição, ao contrário do que outras pessoas vem dizendo. Justifico.

A harmonia – do grego “harmos”, que significa juntar - na arte da dança, ao meu ver e segundo minha pesquisa, diz respeito ao encadeamento dos sons musicais com a expressão corporal. Assim, a harmonia se articula entre movimento e música, e não entre movimentos.

O quesito harmonia, então, consiste na busca da linguagem corporal de cada peão ou prenda e a expansão musical, em vez de uma limitação estética específica.
Essa limitação estética específica podemos chamar de sincronia. A sincronia é o ato de combinar ações ou exercícios para o mesmo tempo. Então, movimentos iguais entre dançarinos caracteriza-se como sincronia, e não harmonia.

Para elucidar essas teorias trago um exemplo que ocorre todos os anos no ENART. A dança de integração! Quando todos os grupos se reúnem ao final do concurso e dançam o pezinho, por exemplo, percebe-se claramente que estão uns diferentes dos outros. Pode-se dizer que se aqueles dançarinos fossem de um grupo só a nota no quesito harmonia seria 0, porém eles estão harmônicos, pois seus movimentos encaixam perfeitamente com a música. O que eles não estão é sincrônicos.
E é aí que o CTG Rancho da Saudade demonstrou sua “Inteligência”: o estudo da dança, e principalmente de seus conceitos. Mas de outro lado, a comissão avaliadora demonstrou um leve despreparo para a análise do quesito. Por que digo isso?

O CTG Rancho da Saudade colocou dançarinos executando movimentos no mesmo tempo musical, embora um diferente do outro, e em sua plenitude no que diz respeito a expressão corporal, e teve analisada a sua harmonia. Correto!?

O problema ocorre no julgamento dos membros da comissão avaliadora. Ao passo que o CTG Rancho da Saudade foi avaliado em harmonia, os outros 40 grupos foram avaliados em sincronia. Exemplo: se o CTG Guaipeca da Querência Lá de Fora colocou dois dançarinos lado a lado e eles fizeram movimentos diferentes ao mesmo tempo musical, - um gingou mais que outro em um passeio - levou desconto no quesito harmonia, mesmo ambos movimentos estando encaixados com a música dançada, ou seja, nesse grupo foi analisada a sincronia e não a harmonia.

Ocorrendo isso, ficou demonstrado “dois pesos e duas medidas” no ENART 2011, e não por culpa do CTG Rancho da Saudade ou da comissão avaliadora.

O CTG beneficiou-se de sua perspicácia ao analisar a dança em sua essência, não havendo qualquer atitude antiética ou amoral nisso. E a comissão avaliadora se deparou com um fato novo, para o qual não estava tão bem preparada.

Aqui, deixo claro que não busco denegrir a comissão avaliadora, pois com a proposta por ela elaborada, vi o festival renascer, com uma competitividade muito maior, mas os equívocos devem ser apontados para que não se repitam em um futuro, até porque os grupos estão cada vez mais se especializando na arte da dança, e a comissão não pode ficar para trás.

Fica assim, o aprendizado para o ENART 2012. Que os grupos que estudam e enriquecem o festival não sejam apedrejados pelo desconhecimento da avaliação, e que a avaliação busque corrigir seus erros, de preferência com todo o apoio do MTG, com o custeio de cursos, palestras e, quem sabe, até com auxilio financeiro para os avaliadores se prepararem devidamente para julgar o trabalho de um ano inteiro.

Deixo aberto o espaço para todo e qualquer dançarino, admirador das danças tradicionais gaúchas e até mesmo membro da comissão avaliadora para fazer o contraponto da ideia, afinal essa é apenas uma opinião - por óbvio, baseada em pesquisa -, mas não quer dizer que seja a mais correta.
Espero que seja um debate amigável e que busque o aprimoramento dos grupos que frequentam o festival e das danças tradicionais gaúchas.

Um grande abraço a todos!

Amigo, percebe-se muita consciência e pesquisa nos teus argumentos, mas tenho que discordar de um: Disseste que foram harmônicos, mas não sincronizados, mas como os movimentos do grupo não tomaram sincronia, se estes executaram seus passos no ritmo de uma única musica?, se batem o pé ao mesmo tempo, estão sincronizados!, se batem palmas ao mesmo tempo, estão sincronizados, se dão passos ao mesmo tempo, estão sincronizados!
Agora, vendo a apresentação, não identifico HARMONIA de conjunto, pois vejo dois modos de expressão corporal muito distintos, mesmo que SINCRONIZADOS por estarem executando os passos em um mesmo tempo musical, se percebe desunião, disparidade, incompatibilidade harmônica.
Para mim, a dança de integração tem sim sincronia, pois todos os dançarinos tem apenas um tempo musical para seguir, já harmonia, não temos, pois existem ali inconsistências de movimento muito abruptas, bem como as que o rancho apresentou.
Posso estar errado, mas no final de teu comentário, chegamos á um consenso: existe disparidade e falta de preparo da comissão sim, e isso tudo abre brechas para uma avaliação muito subjetiva, afinal, se consideraram a apresentação correta, enquanto pesquisa histórica, devem ter considerado o vídeo do ctg, e isso ataca o princípio de julgar apenas a apresentação, sem qualquer tipo de influência externa.
abraço amigo! é muito bom ver alguém culto aqui no fórum, que sabe se expressar de forma clara.

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
tchenauta



Mensagens : 1
Data de inscrição : 13/06/2010

MensagemAssunto: Re: Resultado Final Enart 2011 Danças Tradicionais e Coreografias    Ter Nov 29, 2011 9:05 am

Tchê Tainha, "tirei o chapéu" pra ti. Tem um bordão de um certo programa televisivo que diz: "Vida inteligente na madrugada". E eu copio: "Vida inteligente aqui no fórum".
Mas, vc consegue fazer um comentário altamente técnico, coerente até certo ponto, sem se posicionar. Ora concorda, ora discorda e, logo após, desdiz o que foi dito. Porém isto não invalida, absolutamente, o teu texto, pois nos faz pensar e repensar acerca do acontecido neste Enart, suscitando idéias e opiniões da mesma forma: assim como eu concordo com os argumentos, logo uma citação me faz pensar ao contrário, e vice-versa (hehehe).
Apenas para enriquecer as informações e citar o teu único erro:
Você disse: "Para mim, fato posto e não comprovado deve ser tido como inverídico e, nesse sentido, o CTG Rancho da Saudade deveria ter sido desclassificado no sábado ou sua classificação ficado condicionada à comprovação da proposta por meio de pesquisa bibliográfica e não vídeo."
Ocorre que não existe nehuma avaliação da "pesquisa" e nem da "proposta" por si só, nem antecipada e nem posterior (exceto na entrada e saída). O que precisa ser aprovado é somente a indumentária. E o rancho, inteligentemente, se valeu deste fato. O único risco que correu foi realmente no quesito harmonia, mas contava com o despreparo da comissão e a tendência pré-estabelecida de que "esse ano era deles", pois havia uma necessidade muito grande de "desacreditar a comissão do ano passado". Isto também são fatos e, como você, apresentarei aos avaliadores, oportunamente, a "pesquisa" que me levou a esta constatação. Abraços

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Centauro_18



Mensagens : 4
Data de inscrição : 23/06/2012
Idade : 26

MensagemAssunto: Re: Resultado Final Enart 2011 Danças Tradicionais e Coreografias    Sab Jun 23, 2012 8:30 am

Olha pessoal, eu acho que o titulo do Rancho foi merecido.Porque no caso do Rancho a harmonia foi avaliada de acordo com as roupas, porque se todos os estancieiros estivessem harmonicos tinha harmonia, e se todos os tropeiros estivessem harmonicos tinha harmonia.Mas no caso da interpretação superou todos os outros grupos. É isso Abraços
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: Resultado Final Enart 2011 Danças Tradicionais e Coreografias    Hoje à(s) 12:01 am

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Resultado Final Enart 2011 Danças Tradicionais e Coreografias
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 4 de 4Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4
 Tópicos similares
-
» [Brasil] FX-2: Decisão sobre caças pode sair este ano
» Shiki Ryougi: Introdução, Diálogos de Pre-Bouts e Final
» [Brasil] Trainee 2011: inscrições abertas
» Viracopos - 28/06/2011
» EVO 2011 - 29 à 31 de Julho

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Galpão Gaúcho :: Invernada Artística - DANÇAS :: ENART - FORÇA "A"-
Ir para: